top of page

ALCOOLISMO: REPERCUSSÕES CLÍNICAS E SOCIAIS

Calline Palma dos Santos
Elidianne Layanne Medeiros de Araújo
Edizângela de Fátima Cruz de Souza
Monique Araújo de Freitas
Roberta Maria de Sousa Alexandre

ISBN: 978-65-991751-9-0
DOI: 10.46898/rfb.9786599175190

Presentation

Longe de uma proposta que tenha como objetivo abarcar e discutir sobre todas as
dinâmicas e mecanismos envolvidos no processo em que o consumo do álcool se torna
patológico e levando em consideração a vasta literatura já existente, esta produção
veio com o intuito de trazer seus leitores a pensar sobre, estar aberto ao que outras pessoas têm discutido, descoberto, estudado e pesquisado sobre algo que é tão impactante
em uma ampla gama de cenários sociais, cuja importância é notadamente visível em
todas as instâncias da vida do sujeito.
Esta coletânea foi pensada e criada a partir de uma perspectiva e vivência em
laboratórios com estudos e pesquisa dedicados aos processos neurobiológicos do comportamento. No caso em questão, direcionamos nossos estudos para os aspectos neurocientíficos que abarcam a conduta do alcoolista, sua interação com o âmbito social e
os prejuízos provocados pelas patologias associadas.
A conexão entre a difusão do conhecimento e o fornecimento de informações
sobre as novas perspectivas e sobre aspectos que agregam a historicidade do tema,
oferece recursos para que esta aprendizagem seja significativa em todos os sentidos,
de um ponto de vista interpessoal, com a apresentação de fenômenos sociais associados, com ênfase nas consequências catastróficas do indivíduo em sua relação com a
sociedade. Bem como, sustentando a essencialidade de perceber a interação e afetação
mútua dos aspectos neurobiológicos e seu contexto social. Uma relação de influência
que se estende aos processos de aprendizagem, e que podem ser estimulados pelo debate de ideias, cujo reforço das conexões neuronais adquiridas, mantém a informação
por mais tempo na memória, podendo ser evocada e acomodada com novos dados e
pontos de vista, sendo possível pensar na aplicação prática do conhecimento através
de sua divulgação e intervenções terapêuticas.
Sendo assim, infere-se que a proposta aqui é dar seguimento às discussões, reforçar e criar novas conexões sobre o tema em questão, apontando através de uma
linguagem acessível, a dinâmica de interação alcoolista-sociedade. Incitando provocações sobre o manejo deste público feito pelos profissionais atuantes, dentro e fora da
academia.

Publication date:

18 de janeiro de 2021 22:16:03

Gostou? Comente!
Noté 0 étoile sur 5.
Pas encore de note

Add a rating
Partagez vos idéesSoyez le premier à rédiger un commentaire.
bottom of page